Balsas continuam barradas e manifestantes avisam: “Se quiser atravessar, nem venha”

Moradores de Porto Nacional continuam impedindo a travessia por balsa pelo Rio Tocantins nesta quinta-feira, 28. O movimento que exige a gratuidade do serviço começou na manhã dessa quarta-feira, 27, quando as balsas começariam a operar no local.

Num vídeo postado nas redes sociais, uma manifestante avisa do ponto de atracação: “Que quiser atravessar, nem venha!”.

— Confira tudo o que o CT publicou sobre a Ponte de Porto Nacional

Segundo a pessoa diz no vídeo, quem está indo para o local com a esperança de utilizar a balsa, está tendo que voltar.

Os manifestantes fizeram barreira nos dois lados do Rio Tocantins. As balsas foram instaladas pela Pipes depois da interdição da ponte.

Assista o vídeo postado nas redes sociais:


Was This Post Helpful:

0 votes, 0 avg. rating

Compartilhar:

Deixe seus Comentario